O lançamento do iPhone em junho de 2007 revolucionou o mercado de celulares dominado até então pela Nokia (Finlândia), BlackBerry (Canadá) e Motorola (EUA).

Nos últimos anos a Apple, fabricante do iPhone, perdeu a liderança do mercado mundial de celulares para a sul coreana Samsung.

Hoje um terço de todos os celulares produzidos do mundo são vendidos na China. Quem vencer neste mercado terá grandes chances de fazer o mesmo no resto do mundo. A Samsung e a Apple não estão entre as marcas de celulares mais vendidos na China.

Com uma estratégia que combina diferenciação, preço e segmentação as marcas Huawei, Xiaomi, Oneplus, HTC, Oppo, Vivo, Lenovo dominam os superlativos mercados chinês e indiano e avançam em todo o Mundo, conquistando paulatinamente o exigente consumidor europeu.

A magnitude do sucesso desta estratégia contrasta com a presença residual da Ericsson, Siemens, Sony e Microsoft no mercado de celulares. E a antiga líder Motorola foi adquirida pela chinesa Lenovo, novo nome da outrora divisão de computadores pessoais da IBM.

O seu próximo celular será chinês.

Deixe um Comentário